Notícia publicada quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Whiplash.Net: O chamado Metal Sinfônico cresceu tanto que deu origem a muitas bandas descartáveis. Quais os cuidados para que “One More Last Attempt” se sobressaia em meio a essa saturação toda?

Aldo Carmine: Procuramos sempre variar. Evitamos manter uma fórmula para compor. Orquestrações e corais sempre me fascinaram e o que fazemos é usar isso de forma coerente, pois o que prevalece é o peso. Tem muito de metal tradicional no novo álbum e acho que isso nos distingue.

Thiago Azevedo: Discordo um pouco dessa história de saturação que todos falam. Se você analisar bem, nos festivais e shows que acontecem atualmente em todo lugar, mas principalmente no Brasil, você vê muitas bandas de outros estilos e pouquíssimas do chamado ‘Metal Sinfônico’. O Rhevan, nos cinco anos de carreira, nunca dividiu o palco com outra banda do mesmo estilo. Em minha opinião, existem sim muitas bandas, mas de todos os estilos, e todas têm potencial para se destacar, basta as pessoas serem menos preconceituosas.

Whiplash.Net: O Rhevan assume muitas etapas de trabalho: o baixista Aldo Carmine é também produtor, vocês mesmos produzem seus vídeos… Que medidas vocês tomam, com o objetivo de manter a banda sempre unida, focada e interessada no trabalho em grupo?

Aldo Carmine: Cada um sabe e confia no potencial do outro. No meu caso, já tive muitas experiências em estúdio e toquei outros instrumentos em outras bandas. Estou a cargo da produção musical do Rhevan desde o início, mesmo antes de fazer parte da banda e isso gerou total confiança da parte deles para comigo.

Dani: Discutimos bastante o que será feito, fazemos reuniões, conversamos por e-mails e facebook, tudo para chegarmos em um acordo e seguirmos a mesma linha, assim não ocorrem desentendimentos ou confusões. Isso mantém o grupo unido. As tarefas também são divididas, geralmente com as possibilidades de cada um, e no meu caso pude trabalhar no roteiro da “Drunk…”, repassei para o grupo e discutimos sobre como faríamos, o que seria tirado ou acrescentado. Comunicação bem assertiva é o que mantém o grupo focado no mesmo objetivo, além da vontade de virar ‘gente grande’ no cenário musical mundial

Confira a entrevista na íntegra:
http://whiplash.net/materias/entrevistas/172200-rhevan.html#ixzz2JSvPmciN

Ouça uma música:
[soundcloud url=”http://api.soundcloud.com/tracks/47126079″ params=”” width=” 100%” height=”166″ iframe=”true” /]

Contatos para shows e merchandise: rhevanofficial@hotmail.com

Sites Relacionados:
www.rhevan.com
www.myspace.com/rhevan
www.metalmedia.com.br/rhevan